time zen finance
time zen finance

Hoje é o aniversário de um ano da Zen, uma empresa criada para criar impacto social positivo e melhorar a relação de pessoas e empresas com o dinheiro, por meio de soluções tecnológicas simples e acessíveis.

Desde 2016, quando o Brasil enfrentou mais uma grande crise econômica, o país vive em constante clima de instabilidade, ausência de investimentos, aumento do desemprego e estagnação econômica.

No mesmo período, startups como Uber, iFood, Dafiti, entre outras, chamam a atenção e crescem ao promover melhoras significativas na vida das pessoas.

Essas plataformas apresentaram soluções que permitiram que pessoas e empresas tenham uma atividade econômica alternativa no ambiente digital, seja como motorista, restaurante, entregador ou confecção.

Foi nesse período também que as fintechs começaram a ganhar mais espaço no país, impactando a vida financeira dos brasileiros para melhor.

No Brasil, o mercado financeiro ainda opera um modelo com grande concentração do crédito em poucos bancos, com juros altos e muita dificuldade (ou até mesmo impossibilidade) de acesso a crédito e outros produtos financeiros para a grande maioria da população. As fintechs estão contribuindo para mudar esse cenário, mas a sua chegada ainda é um fenômeno muito recente para observarmos um impacto mais significativo.

Os entraves encontrados pelas pessoas e pequenos empreendedores  para a obtenção de crédito foram vistos como oportunidade para criar a Zen, uma fintech que busca oferecer serviços únicos, personalizados e que ajude a reduzir a burocracia no setor.

A jornada Zen

Após a venda da Biva, fintech pioneira em P2P lending (empréstimo entre pessoas), à Pagseguro no começo de 2018, seu fundador e ex-CEO Jorge Vargas Neto e Marcelo Nomoto, profissional de tecnologia renomado no mercado, com passagens por Itáu, Nubank, Xerpa e Biva,  começaram a pensar em como viabilizar o grande sonho de montar uma comunidade de serviços financeiros.

Em abril eles fundaram a Zen e o início da operação foi com o Zen Finance, primeiro produto brasileiro de crédito como serviço (CaaS, na sigla em inglês), com o objetivo de ampliar a oferta de crédito para empreendedores, a um custo menor e com menos burocracia que bancos e financeiras. Ele opera no formato white label. Ou seja, a marca que aparece ao tomador do crédito é do marketplace parceiro.

O Zen Finance consegue identificar de forma mais precisa o comportamento do tomador de crédito, reduzindo o risco de inadimplência.

A plataforma aplica aprendizado de máquina a informações do marketplace em que o tomador de empréstimo atua, como histórico de vendas e faturamento, e as enriquece com mais de 200 pontos de dados não convencionais, como comportamento em redes sociais e satisfação do cliente.

O serviço ainda agrega valor ao marketplace, permitindo a fidelização dos vendedores e criando uma nova fonte de receita.

A ferramenta oferece toda infraestrutura para que os marketplaces concedam crédito aos seus vendedores como análise de risco, funding, atendimento e cobrança, numa plataforma 100% digital.

Entre os clientes estão Uber, iFood, Dafiti, Auto Avaliar, Mobly, ContaAzul e iZettle.

Conquistas e próximos passos

Após um ano cheio de desafios e aprendizados, a Zen conquistou alguns marcos importantes e que vão contribuir para o crescimento do próximo período:

  • Fechamento de nove parcerias com alguns dos maiores marketplaces e empresas de tecnologia do Brasil para a customização e oferta de produtos financeiros a seus clientes.
  • Mais de R$ 3MM em crédito concedidos.
  • Crescimento de mais de 1000% nesse primeiro ano (crescimento médio de 200% ao mês).
  • Qualidade do crédito concedido com atrasos menores que 3% da carteira.
  • Mais de R$ 8MM de reais em captações em duas rodadas de investimentos do Global Founders Capital e importantes investidores e profissionais da área de tecnologia e mercado financeiro no nosso país.
  • Participação em dois grandes programas de aceleração: Visa Start e BTG Boostlab.

Em 2019 a Zen quer se aproximar ainda mais do objetivo de desenvolver produtos e tecnologias financeiras simples e acessíveis para gerar empoderamento e relação de ganha-ganha entre parceiros e clientes.

Nos próximos passos estão a expansão da carteira para mais de R$ 50MM em portfólio e aumentar a diversidade dos produtos oferecidos, com reverse factoring, meios de pagamento e pontos de fidelidade.

Produto B2B Zen

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*